#florestafazadifereca

capa dvd copy copy

Hoje (18), durante um café da manhã, aconteceu na O2 o lançamento da campanha Floresta Faz a Diferença, uma iniciativa que reuniu 153 ONGs como: WWF Brasil, Greenpeace, S.O.S. Mata Atlântica, Instituto Democracia e Sustentabilidade, Instituto Sócio Ambiental, Instituto Refloresta, Comitê SP em Defesa das Florestas, entre outras. No encontro com jornalistas foi lançada uma série de 25 vídeos depoimentos, dirigidos aos senadores, cuja intenção é pressioná-los, para que não aprovem o  novo Código Florestal, que já passou pela Câmara.

Os filmes incluem depoimentos de pessoas conhecidas como Gisele Bündchen, Alice Braga, Wagner Moura, Rodrigo Santoro, Marcos Palmeira, Felipe Camargo, Fernanda Torres, Denise Fraga, Maria Flor, Felipe Camargo entre outros atores, cientistas, jornalistas e economistas. Cada depoente criou e gravou seu próprio  texto em câmeras pessoais, webcams e celulares e depois enviaram para Fernando Meirelles, que com o empenho da Lívia Portugal, da O2 Pós, finalizou os filmes. Uma campanha 100 por cento sustentável. Não se consumiu nem um litro de gasolina.

De acordo com o novo Código, aprovado pela Câmara, literalmente na calada da noite, (a votação aconteceu depois da meia noite), as matas ciliares, que protegem os rios, poderão ser reduzidas pela metade, praticamente extingue-se a proteção de matas de topos de morro, diminui-se consideravelmente a área de reserva legal, que cada fazendeiro precisa deixar em suas propriedades e, ainda há anistia para quem desmatou ilegalmente antes de 2008. O texto é um monumento ao atraso. A proteção das águas, a regulação do ciclo das chuvas, a biodiversidade, a polinização, o controle de pragas, o equilíbrio do clima, enfim, o que garante a vida e a economia de todo o país está em jogo.
Para atualizar suas informações sobre o assunto, você pode assistir os vídeos ou assinar o abaixo assinado para o senado, entre em: www.florestafazadiferenca.org.br.

Enquanto o agro negócio investiu 15 milhões de reais em sua campanha "Eu Sou Agro", esta campanha foi feito inteiramente na base da cidadania. Sem cachê para ninguém. A O2 apoiou o projeto. Nós também somos agro, mas não somos burros.

1073 visitas
1 COMENTÁRIO
Esli LeaL01 de Novembro de 2011 - 14:19 | #1
Preservar o que nos resta deste planeta não é modismo, é compromisso!
Façamos a diferença agora!